Dança

A maior função da dança é a de ajudar o homem a formar um conceito mais nobre de si próprio. (Ruth Saint-Denis)

domingo, 28 de outubro de 2012

Aos Noivos

No seu casamento vocês são a atração e sempre terá uma pessoa acompanhando se vocês tiver alguma dúvida.
Na Igreja tem o padre, se vocês esquecerem alguma frase ou palavra ele lhe auxilia.
Na recepção aos convidados tem a cerimonialista.

Fotografia e filmagem, depende dos profissionais contratados e seus equipamentos.
A refeição, depende do buffet.
Som e iluminação, tem os técnicos contratados e seus equipamentos, no momento já não dependem de vocês.
Mas tem uma parte que depende exclusivamente do casal, a DANÇA. Este é o único momento da festa em que o casal está sozinho mesmo estando rodeado de familiares e amigos.
No momento da dança é apenas o casal, os professores não podem estar ao lado contando 1,2,3 ou marcando TÁ e TUM, nem mesmo dizendo DOIS PRA LÁ E DOIS PRA CÁ.

Esses 3 minutos costumam ser uma eternidade para quem não está preparado.
Então, não deixe para procurar a Escola de Danças na última hora.
Programem-se, preparem-se este momento será único e inesquecível.
Escola de Danças Angélica & Rodrigo

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Nota de Esclarecimento

Devido a alguns casos ocorridos recentemente, encontramos a necessidade de esclarecer alguns pontos em relação à nossa escola, ao nosso método e nosso profissionalismo.

1º - Somos uma Escola Formada, isto é, todos os professores que aqui trabalham já tiveram sua formação em outras Escolas Formadoras.

2º - Nossa equipe técnica é formada apenas por professores.

3º - Os Bolsistas da escola apenas tem a função de completar os pares para dança, desta forma  participam das aulas sem custo algum, além de aproveitarem a aula exclusiva para bolsistas.

4º - Em nenhum momento o bolsista participa do desenvolvimento dos planos de aula, definição dos conteúdos programáticos ou qualquer outra atividade que não seja de parceiro dos alunos avulsos.

5º - Por enquanto, não somos uma Escola Formadora, qualquer pessoa que tenha estudado em nossa escola jamais poderá se auto-entitular "professor de dança de salão" ou outra qualquer, pois não terá passado de bolsista pelo simples motivo de ainda não termos outra graduação acima desta como por exemplo, assistentes e monitores.

6º - Reconhecemos como professor de Dança de Salão apenas os formados por grandes nomes da Dança de Salão do Brasil, como: Edson Nunes e Alexandra Kirinus, Cristóvão Cristianis e Katiusca Dicow, Jaime Aroxa, Carlinhos de Jesus, Valentin Cruz e Marlise Machado (Tango), Luiz Kirinus, Érico e Raquel, João Biasoto, Marcelo Chocolate.

Uma vez esclarecidos os ítens acima citados, estamos à disposição para responder a perguntas sobre a formação de qualquer pessoa que tenha estudado em nossa escola e que se auto-entitule professor(a) de Dança de Salão, mantendo assim nosso profissionalismo, nosso respeito à dança, aos alunos e mostrando a todos que administramos nossa escola com a seriedade que a dança merece.

Atenciosamente

Escola de Danças
Angélica & Rodrigo

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Coreografia dos Padrinhos no Casamento da Silvia e do Fábio

Eles se puxaram, foi ótimo dar aula para essa turma divertida. O tempo passa mas essa coreografia (montagem da profe Natália Garibaldi) ficou na história da escola.

Passamos de 30mil acessos no youtube... SUCESSOOOOOOOOO.

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Demonstração de Tango salão

Demonstração de Tango salão pelos professores na escola de danças Angélica & Rodrigo com movimentos utilizados na aula de tango iniciante no sábado à tarde.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

12 de Janeiro/2012 – Os 50 anos de um Mestre!

O dia de hoje deveria ser reverenciado entre os dançarinos de salão de Floripa, pois foi justamente num 12 de janeiro, no ano de 1962, que nasceu aquele que viria a abrir as portas de Florianópolis para a Dança de Salão, o nosso querido Edson Nunes.
Assim foi que, em 1990, o carioca Edson Nunes, abria o seu Centro de Danças Edson Nunes e apresentava aos manezinhos as maravilhas da arte da dança a dois.
Sem demagogias ou puxa-saquismos, Edson foi o mestre de quase todos os que hoje são professores em Floripa, foi ele quem lapidou nomes como Luiz Kirinus, Laura Flores, João Biasotto, Pricila Moll, Guilherme Abilhôa, Bi Almeida, Daniel Pozzobon, Sheila Ludwig, Fabiano Silveira, Luiz Negão, Carol Botelho, Aline Tombini, Arthur Fernandes, Isabel Rocha, Arthur Bellaguarda, Ricardo D`Aquino, entre muitos outros. Foram, se é que podemos assim dizer, os “anos de ouro” da dança de salão em nossa cidade. Seu carisma, simpatia e talento rapidamente caíram nas graças da nossa gente e Edson era respeitado e reverenciado em todos os lugares por onde ia, a sociedade florianopolitana ficou encantada com aquele carioca-dançarino que fez a cidade redescobrir os prazeres de se dançar a dois.
O Centro de Danças Edson Nunes, em cima da antiga fábrica de bordados Hoepcke, nos altos da Rio Branco, tornou-se ponto cultural e de referência, foi o maior salão de danças que Florianópolis já teve, palco de grandes e memoráveis bailes, sua influência foi tão marcante que até hoje, quando se fala em dança de salão em Floripa o primeiro nome que vem à cabeça de muita gente, que não é do meio, é o de Edson Nunes e muitos espantam-se ao saber que ele não está mais na Ilha.
Edson Nunes, professor, dançarino, coreógrafo e verdadeiro “pai” da dança de salão catarinense comemora hoje seus 50 anos, bodas de ouro de uma vida dedicada a ensinar, com muita arte, a arte da dança de salão.
E o Dança Catarina, com muito carinho e muitas saudades, presta aqui uma justa homenagem à este amigo tão querido, Edson, parabéns a você, que tem o dom de tornar mais alegres os dias de quem te cerca; que dá a certeza, aos teus amigos, de ter sempre com quem contar; que valoriza o que cada aluno tem de melhor e assim, transformar a rotina do dia-a-dia em bons e grandes momentos: que bom que você existe! Feliz aniversário!”
_____________________________________________________________________
Retiramos este texto do Dança Catarina, assim como o Mestre Edson Nunes abriu as portas de Florianópolis para a Dança de Salão, ele e a Alexandra Kirinus tiveram o mesmo papel em Porto Alegre e porque não no Rio Grande do Sul, uma vez qua a maioria dos professores de dança de salão do estado são alunos deles.
Sempre saliento que a dança de salão no estado mudou depois da vinda deste mestre, com seu carisma, condução, musicalidade, técnica e tudo mais que faz um bom dançarino e um ótimo professor.
Fica aqui nosso agradecimento à essa pessoa maravilhosa e que Deus lhe dê pelo menos mais 50 anos de vida ao nosso lado.